•  
     

Falha que permite interceptar ligações foi descoberta no Google Maps

Imagem

O Google Maps é um serviço que permite a qualquer usuário no mundo sugerir alterações e apontar locais, além de detalhar nomes e telefones de estabelecimentos. Pensando em problemas que essa condição poderia trazer, um engenheiro da Microsoft chamado Bryan Seely conseguiu encontrar uma falha crítica no serviço, que permitiu a ele grampear ligações de qualquer pessoa para departamentos públicos, como o serviço secreto, e até a sede do governo dos EUA, além de gabinetes de qualquer político do país.

O que ele fez para testar a brecha de segurança foi criar um local falso para o serviço secreto dos EUA no Google Maps com o número de telefone de sua casa. Dessa forma, quem procurasse essa localidade no serviço poderia ligar automaticamente para Seely, que, depois de atender a ligação, a encaminhava para o número correto. Dessa forma, o serviço secreto e a pessoa que ligou ficaram conectados através do telefone de Seely, como se ele também estive na conversa através de uma conferência.


Fonte