•  
     

Com preços de US$ 500 a US$ 6 mil, Steam Machines rivalizam com consoles

Imagem


A Valve, bem conhecida dos fãs dos games por jogos como "Half-Life" e "Portal", além da popular plataforma de distribuição digital Steam, aproveitou a CES 2014, em Las Vegas, para apresentar sua nova aposta: as Steam Machines, máquinas planejadas para levar a experiência de jogo no PC para a sala de estar, rivalizando com consoles mais tradicionais como PlayStation 4 e Xbox One.

Reveladas em conjunto com um inovador controle sem alavancas e um sistema operacional próprio, as Steam Machines são como computadores modulares, que prometem transmitir o conteúdo de PCs para a televisão, unindo as facilidades da distribuição via Steam com a comodidade de jogar em um console.

Nesta segunda-feira (6), em conferência na CES, a empresa revelou os primeiros modelos que chegarão ao mercado a partir deste ano, fornecendo detalhes técnicos de cada uma das máquinas.

Construídas por 13 fabricantes tradicionais de PCs, as Steam Machines terão uma variação grande de preços, partindo de US$ 499 - preço do Xbox One nos Estados Unidos - e chegando até pesados US$ 6 mil.

Empresas conhecidas como Alienware e Gigabyte apresentaram hardwares compactos que sequer lembram um computador tradicional, em oposição ao que mostraram a Falcon Northwest e a Digital Storm, com máquinas grandes, pouco diferentes de um PC atual.

A maioria das fabricantes revelou valores de seus produtos, mas poucas deram datas precisas para o lançamento. A Digital Storm, com o Bolt II, será a primeira agora em janeiro, enquanto Alienware e CyberPowerPC prometeram suas máquinas para o segundo semestre.


Preço competitivo com consoles, público alvo diferente

Embora não tenha revelado o valor de suas Steam Machines, a Alienware manifestou o desejo de lançar produtos com valores competitivos aos dos recentes Xbox One e PlayStation 4.

Com um design discreto que vista "desaparecer na sala de estar", a Steam Machine da fabricante poderá ser aprimorada pelos consumidores após a compra, opção que não existe nos consoles tradicionais.

Apesar disso, o público alvo deste hardware não é os donos de PS4 e Xbox One, mas quem possui contas no Steam. "Quando você ver este produto chegar ao mercado, ele será oferecido aos usuários do Steam em primeiro lugar", disse o representante da Alienware durante a conferência da Valve.

No entanto, a própria empresa admitiu que, embora não tenha como meta "converter" os jogadores de consoles para PCs, esta mudança pode ocorrer naturalmente caso as novas plataformas não correspondam às expectativas.


VEJA DEMONSTRAÇÃO DO STEAM CONTROLLER

Bom para desenvolvedor e para jogador

Durante a CES 2014, Gabe Newell, fundador da Valve, comentou a respeito da criação das Steam Machines. "Um dos motivos que nos fazem pensar que esta é a direção certa é que podemos nos beneficiar de tudo que as pessoas já fizeram".

"Se eu comprar um jogo no Steam e estiver rodando-o no Windows, eu posso pegar uma das Steam Machines e ter o mesmo jogo nela. Então você se beneficia como desenvolvedor e como consumidor ao ter a experiência do PC estendida para a sala de estar".


Computadores na sala de estar

Apresentadas em setembro de 2013, as Steam Machines são a aposta da Valve para dominar a sala de estar dos usuários do Steam.

Reveladas em conjunto com o Steam Controller e a SteamOS, as máquinas prometem realizar streaming do conteúdo de PCs para outras televisões.

Com arquitetura Linux, as Steam Machines poderão rodar nativamente jogos adaptados para o sistema operacional e também prometem boa jogabilidade com o inédito controle, criado com o objetivo de funcionar bem com gêneros de jogos que tradicionalmente necessitam de teclado e mouse, como estratégia.


Fonte
 
Opá espero que funcione mesmo,Sorte para a Stema, ou valve seillá rsrs'......
 
Pra galera que quiser conhecer 13 steammachines
Preços e Configurações
Tenho um topico mostrando
:arrow: Tópico