•  
     

7 curiosidades sobre o Wolverine

Confira fatos envolvendo a concepção do personagem e também da sua história, como o fato de ele ter voltado à vida com uma gota de sangue

Imagem

Nesta quinta-feira (22), “X-Men: Dias de um Futuro Esquecido” chegou às salas de cinema brasileiras, contando a história de como os mutantes da Marvel voltaram para o passado em uma tentativa de construir um futuro melhor para toda a humanidade. Dessa maneira, muitas pessoas voltaram a se interessar pelo Professor Xavier e seus parceiros poderosos.

Pensando nisso, o pessoal do site Listverse criou uma lista com diversas curiosidades relacionadas ao Wolverine, um dos heróis mais famosos dos quadrinhos. Foram selecionados fatos referentes à criação do personagem e também à sua história dentro das HQs — algo que deve interessar diversos fãs do carcaju raivoso.

Ficou curioso? Então continue lendo, pois o Tecmundo escolheu 7 dos fatos mais bacanas sobre o herói com o objetivo de explicá-los para você. Assim, você pode descobrir um pouco mais daquilo que faz com que esse mutante canadense seja tão apreciado ao redor do mundo. Aproveite!


1. Sim, elas são feitas de osso

Imagem

Ao contrário do que muitos leitores mais jovens podem pensar, as garras do Wolverine são feitas de osso e não de Adamantium — há quem considere que elas foram implantadas quando o herói teve seu esqueleto envolvido por essa liga de metal especial. Acontece que Magneto utilizou os seus poderes para retirar toda essa proteção do herói e deixá-lo em péssimas condições.

No entanto, em um treino com seus parceiros X-Men, Wolverine acabou descobrindo que a suas garras eram feitas de osso, fruto da sua própria mutação. Aliás, foi esse “pequeno detalhe” que levou a mãe do homem a cometer suicídio. Pesado, não é mesmo?


2. Com um estilo de cowboy

Na década de 1980, Frank Miller se tornou o responsável pelas ilustrações das histórias do Wolverine — e, como você já deve saber, é normal que os ilustradores mudem conforme o tempo passa. No entanto, Miller decidiu que estava na hora de repaginar a aparência do mutante e se inspirou nos papeis do ator Clint Eastwood para que isso acontecesse.

Imagem

De acordo com a explicação do próprio ilustrador, a intenção era a de fazer com que o herói tivesse a aparência de um cowboy vingativo. Além disso, essa aparência serviu de inspiração para a concepção de Wolverine em seu último filme, “Wolverine: Imortal”.

3. Um conceito bem antigo...

Imagem

Continuando nas curiosidades relacionadas à aparência do Wolverine, saiba que ele já foi concebido como um adolescente que utilizava luvas com garras. Isso aconteceu na primeira aparição do mutante, quando ele enfrentou o poderoso Hulk e ainda não tinha toda a sua história formada pelos roteiristas da época.

Dessa maneira, o carcaju foi retratado como um jovem que tinha como poderes sentidos extremamente aguçados e uma fúria animal — algo que mudou com o tempo, tornando o mutante um homem centenário e mais complexo. Outra curiosidade: já foi cogitado tornar o Wolverine um glutão (o animal) que evoluiu para uma forma humanóide, como as Tartarugas Ninja.


4. Um assassino de verdade

Imagem

O Wolverine é um personagem bem agressivo, de maneira que é normal considerá-lo alguém que cometeria assassinato com relativa facilidade. E o mais curioso é que ele realmente liderou uma divisão de assassinos dos X-Men, chamada de X-Force. O objetivo dessa equipe era a de eliminar qualquer ameaça da humanidade (mutante ou não). Contudo, esses mutantes acabaram matando um garoto que viria a ser o novo Apocalypse e as coisas não acabaram da melhor forma, resultando no desmantelamento da divisão.

5. Um pai relapso por acidente

Na década de 1940, Wolverine era casado com uma japonesa que estava grávida de um filho seu. No entanto, o Soldado Invernal (sim, aquele inimigo do Capitão América) matou a sua esposa em uma tentativa de atrair o herói, sendo que o bebê que era esperado supostamente morreu junto com a mãe.

Imagem

Com o passar dos anos, Wolverine descobre que o seu filho sobreviveu e se chama Daken. O rapaz acabou sendo treinado por Cyber (um vilão) e utiliza as suas mutações para o mal. Entre os poderes do filho de Logan, podemos citar o fator de cura, sentidos super aguçados e três garras em cada braço — duas saltando do seu punho e uma do pulso.

6. Voltando à vida com estilo

Apesar do seu fator de cura extraordinário, Wolverine pode ser morto, tanto que isso aconteceu em um arco dos X-Men em que eles lutam com aliens para conquistar uma gema extraterrestre com poderes gigantescos. No meio disso tudo, o mutante é caçado por diversos inimigos não sobra muito do corpo dele para se regenerar.

Imagem

Apesar disso, uma gota de sangue do Wolverine acaba respingando da gema alien, fazendo que ele voltasse à vida. Na explicação, o herói diz que o seu fator de vida (aliado à sua vontade de viver e aos poderes da pedra) fez com que seu corpo e mente fossem refeitos.

7. Ele estava na Segunda Guerra Mundial

Imagem

Wolverine é um mutante centenário e isso se deu por conta do seu fator de cura, que faz com que suas células não sofressem os efeitos do tempo. Devido a isso, este homem esteve presente em diversos momentos marcantes da humanidade, incluindo a Segunda Guerra Mundial — e ele estava lá como um soldado.

No meio do conflito, Wolverine acabou ajudando o Capitão Americano a resgatar uma jovem russa, que era a Viúva Negra. Ou seja: as experiências do mutante vão além do X-Men e influenciam toda a sociedade de heróis.


Fonte